MEMÓRIAS



Doces  memórias 
que o tempo não ousa apagar
teu olhar, teu sorriso 
estarão no mesmo lugar
paro e reflito
quanto tempo perdido...
Por onde andas?
teu cheiro ainda me encantas
ao contemplar o alto
no céu eu retive 
estrelas a brilhar
nelas teu olhar contive
segui para o mar
na ilusão de te encontrar
no mar revolto pus-me a chorar
insisto, persisto a te procurar
estive nas montanhas
no mais alto dos cumes
ludibriei todas as façanhas
mais que real é o teu perfume
estrelas indicam o possível lugar
por que de mim tu foges?
Serás medo de amar?
Coloco-me ao teu dispor
que desfaça todo o rancor
pois o que há de mais belo, 
é o nosso puro e singelo amor!







IMAGENS LIVRES Disponível em . < rogeriabreves.blogspot.com  > . Acessado em 13/05/2015, 22h15min

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A TROCA

19

OUTONO